terça-feira, 23 de agosto de 2011

Valor



Quem pode me dizer quanto eu valho?
Alguém?
Será que valho muitas gargalhadas? Ou muitas lágrimas? Valho flores, perfumes, jóias? Ou será que milhões de reais, dólares, euros, ou etc? Valho a vida de alguém? Suas dores, suas alegrias, seus sonhos?
Sinceramente não consigo encontrar nada em que realmente caiba o meu valor. Nada, por maior ou mais lindo, digno, grande e precioso que seja, pode ser comparado ao que eu sei que possuo e sou.
Em mim cabem milhões de oceanos de sentimentos, infinitos sonhos, sensações, valores e emoções... Minha alma é única e por isso tem um valor inestimável.
Quando eu penso em valorizar algo e também no seu justo valor, acabo por comparar... e como sou única, não há comparação que se possa fazer. Como comparar coisas diferentes? Como comparar o preço de uma casa com o preço de um chiclete? Não são iguais e por isso eu só posso comparar o valor de uma casa com outra e o de um chiclete com outro.
Mas e no meu caso? Como pensar no meu valor se não existe nada semelhante a mim?
Portanto digo que não possuo valor mensurável... E assim, eu reconheço que valho muito! E infinitamente mais do que eu penso que valho.
E é por isso que nem você, nem ninguém consegue me encaixar em moldes, em preços ou comparações.
Sou única e muito feliz por isso!
E você? Qual seria o SEU valor?

3 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  2. Lê, gostei tanto da postagem, com certeza nos dá dimensão do valor que temos para Deus, posso postar essa msg no meu blog?
    Bjim

    ResponderExcluir
  3. oi...
    passo para deixar um recadinho


    Atenção blogueiros de Juiz de Fora e demais interessados no fantástico mundo da blogosfera.

    Se preparem para o BlogCampJF (um evento voltado para os blogueiros de Juiz de Fora).

    Para ficarem informados é só curtir a página...

    http://www.facebook.com/blogcampjf

    bjo.

    Ana Virgínia
    filhadejose.blogspot.com

    ResponderExcluir

Quem gosta...